A importância dos exames oftalmológicos

12 de julho de 2018
exames

Em algum momento da vida, quase todas as pessoas irão apresentar alguma dificuldade visual. Em muitos casos, óculos ou lentes de contato já são suficientes para resolver o problema, mas isso é apenas uma pequena parte das condições oculares que podem ocorrer. Glaucoma, catarata, descolamento da retina e distúrbios da córnea são alguns dos problemas oculares mais graves que podem se desenvolver. Alguns deles, como o glaucoma, não apresentam sintomas até começarem a comprometer sua visão.

Esses problemas são muito mais fáceis de lidar se você estiver em dia com suas consultas ao oftalmologista. Exames oftalmológicos regulares devem ser programados pelo menos uma vez por ano para pessoas com visão saudável. Se você usa lentes de contato ou tem mais de 40 anos, aconselha-se exames mais frequentes. Alguns casos, como diabetes, exigem visitas regulares ao médico para um exame de visão.

Tipos de exames oftalmológicos

Exceto para dormir, você usa sua visão em quase todas as atividades que faz, desde ler, até dirigir e navegar na Internet. E porque sua visão desempenha um papel tão importante, você precisa protege-la. Em uma consulta com um oftalmologista, você pode passar por alguns exames básicos, apresentados abaixo.

Mapeamento de retina

Esse exame oferece uma visão detalhada do fundo do olho, da sua estrutura interna, do nervo óptico e dos vasos sanguíneos. É indolor e realizado com a pupila dilatada. É realizado com um aparelho chamado oftalmoscópio indireto. Com o auxílio de uma lente especial e com incidência de luz, é possível realizar o exame. Esse exame permite diagnosticar e acompanhar a evolução de diversas doenças, como hipertensão, diabetes, problemas neurológicos, hematológicos e reumáticos.

Angiofluoresceinografia panorâmica

Através da dilatação das pupilas, permite visualizar os vasos sanguíneos da retina e da coróide com o auxílio de contraste. É indicado para acompanhar casos de retinopatias, edemas de mácula, oclusões vasculares, traumas, tumores e inflamações.

Retinografia colorida

A retinografia colorida é utilizada como registro de alterações ou até mesmo do fundo de olho normal. O exame auxilia no diagnóstico e acompanhamento das doenças da retina por meio da análise direta das imagens ou auxiliando outros exames, como com a angiografia fluorescente.

Exame de refração

O exame mais comum é o de refração e mostra como está a visão do paciente, indicando se é necessário o uso de lentes corretivas.

Teste ortóptico

O exame testa os músculos ligados à movimentação dos olhos, identificando alterações sensoriais e reconhecendo sinais de estrabismo e ambliopia. É indicado para avaliar o alinhamento dos olhos e a posição do olhar.

O seu médico avalia os resultados desses exames juntamente com outras informações incluindo:

Histórico familiar – Seu histórico familiar apresenta informações importantes sobre os fatores de risco que você tem para o desenvolvimento de distúrbios oculares. Quantas pessoas da sua família usam lentes corretivas? Quantas já apresentam algum tipo de doença ocular? Além disso, é importante informar qualquer histórico familiar para diferentes tipos de câncer, doenças cardíacas e diabetes. Há uma série de distúrbios oculares que se apresentam ao lado de problemas médicos aparentemente não relacionados.

Alergias – muitas vezes é difícil avaliar as formas pelas quais as alergias podem nos afetar. Não deixe nada de fora. Você pode não perceber a presença de um alérgeno em sua vida, mas um médico pode ajudá-lo a juntar as peças.

Medicamentos – O seu médico perguntará sobre quaisquer medicamentos ou drogas que você usa. Não deixe nada fora desta história! Mesmo um medicamento que você utiliza há anos pode de repente contribuir para efeitos adversos à saúde.

Eventos Recentes – Alguma coisa em sua vida mudou recentemente? O estresse é desencadeado por uma variedade de fontes e nem sempre são óbvias. O estresse faz com que o sistema cardiovascular trabalhe mais, o que pode danificar partes do olho. Se alterações na sua rotina ou no seu ambiente aconteceram recentemente, novos ambientes ou atividades podem estar afetando sua saúde.

 

Não deixe para marcar sua consulta e agendar seus exames somente quando sentir desconforto! Cuidar da saúde dos seus olhos é importante e essencial para garantir uma boa qualidade de vida.

O Portal da Visão Curitiba é um espaço de compartilhamento de notícias e informações sobre a oftalmologia, oftalmopediatria e assuntos de interesse para a área.

Hospital de Olhos do Paraná
Rua Coronel Dulcídio, 199 - 1º andar
Batel, Curitiba, Paraná
CEP 80.420-170

INSCREVA-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER.

Powered by TNBstudio

Entre en contato